Review #AgitoSP: Samsung Galaxy S10

Experiências #AgitoSP Tecnologia
Testamos durante 10 dias o lançamento da Samsung, o Galaxy S10 na cor azul, que utilizamos em todas as fotos e vídeos de nossas trips de Brotas e Maresias, além de visitas aos restaurantes Lellis Trattoria, Guató, Sky Hall, La Forchetta, Festival do Camarão e Massas Ceagesp e Pace e Bene

Dentro da caixinha, além dos itens habituais (celular, carregador, fone, manual) o S10 já vem com uma capinha de plástico e também um adaptador do cabo usb (o conector do cabo é do tipo USB-C com fast charging).

Nas configurações de segurança há 5 opções: reconhecimento facial, digital, padrão, PIN ou senha. Optei pelo reconhecimento facial e senha. Ao tocar no celular, as bordas da câmera frontal se iluminam e o reconhecimento é bem rápido, porém se você estiver de óculos escuros, ele não funciona. Ai entra em operação a segunda opção de desbloqueio via senha.

O display infinito tem uma excelente visualização e o recorte da câmera frontal é tão discreto que fica imperceptível na utilização no dia a dia.

Foto em ultra wide

A função de destaque (e que mais utilizei) foram as câmeras. Na parte traseira são 3 e o modo ultra wide impressiona! Proporcionando um campo de visão de 123 graus, dá para mostrar muito mais em um único clique.

No modo de vídeo, também é possível gravar em ultra wide e ficam muito parecidos com uma GoPro. Há também modos food, onde realçam um prato de comida, Pro, onde dá para mudar manualmente as configuração da foto e os efeitos Bokeh ganham três variações, não somente o tradicional fundo embaçado. A câmera também utiliza recurso de inteligência artificial, que reconhece o tipo de foto que você está clicando e faz os ajustes automaticamente de melhoria de captura. Não tem como não tirar uma foto ruim desse jeito rs As fotos em ambiente com baixa iluminação também ganham um recurso “Noturno”, com disparo mais lento e as fotos ficam muito boas!

A função de compartilhar a foto nativamente em um clique no instagram também é uma mão na roda!

O Wireless PowerShare é outra função bem bacana, que salva quando você está quase sem bateria. Ele permite compartilhar a bateria do S10 com outro dispositivo que tenha a tecnologia de carregamento sem fio. Eu pensava que era só encostar o outro aparelho na parte de trás do S10, mas ela precisa ser ativada antes no painel de controle.

Para ler mais sobre as especificações do Galaxy S10, acesse o site da Samsung

Comente sobre esta matéria ;)