Dicas para uma viagem pelo Alentejo no inverno

#AgitoSP Viagens: Internacional Viagem & Turismo

Com a notícia da reabertura de Portugal, muitos viajantes do Brasil já planejam trocar o alto verão brasileiro para curtir o friozinho no continente europeu. E que tal vivenciar todo o cenário pitoresco do Alentejo? A maior região de Portugal tem tudo para tornar o roteiro de inverno inesquecível, com muitos vinhos premiados, gastronomia saborosa e charmosas vilas de arquitetura singular.

Ficou com vontade de apreciar essas paisagens únicas? Conheça as dicas, separe um bom agasalho e embarque em uma adorável viagem pela encantadora região do Alentejo.

O clima
Os dias de inverno no Alentejo são ensolarados com temperaturas amenas, mas nada do frio como no restante da Europa, por exemplo. É possível se deparar com alguns períodos mais chuvosos também. Por isso, o ideal é investir em uma mala com roupas mais quentes, com casacos e calçados fechados.

Atividades ao ar livre
Mesmo com as baixas temperaturas, os constantes dias de sol convidam para atividades ao ar livre, como explorar as planícies com campos de plantações que aguardam a mudança de estação. O passeio é a certeza de presenciar um deslumbrante e emblemático pôr do sol no Alentejo.   

Aos amantes dos esportes, há estradas fantásticas e percursos muito bem sinalizados por toda a região, que convidam para um passeio de bicicleta. Desta forma, é possível apreciar toda a paisagem bucólica, que ganha um tom mais opaco durante o inverno, mas sem perder o seu charme.

Programa culturais e monumentos
Se as temperaturas mais baixas fazem você querer se abrigar em locais fechados, aposte nos programas culturais. O Alentejo tem locais impressionantes para visitar, como a Capela dos Ossos e a Catedral de Évora, em Évora, o Forte de Nossa Senhora da Graça, em Elvas, ou o Paço Ducal de Vila Viçosa, por exemplo. Além disso, há uma excelente oferta de museus muito interessantes, como o Museu da Tapeçaria, em Portalegre, ou o Museu de Évora.

Mas, se você quiser encarar o ventinho gelado e ver de perto o patrimônio histórico alentejano, há cidades e vilas que são verdadeiros museus a céu aberto e com construções magníficas, como Monsaraz, com suas ruas de pedra e o castelo no topo de uma colina, Marvão, com seu castelo de mais de 700 anos, entre outros lugares.

Gastronomia e enoturismo
O clima frio e úmido também é perfeito para provar os pratos quentes típicos da culinária alentejana, como o ensopado de borrego – como é chamado o cordeiro com menos de um ano. É uma verdadeira iguaria, temperado com hortelã e ervas aromáticas.

É nessa estação também que se pode visitar os olivais centenários e ainda ver de perto o lugar onde os frutos são processados e dão origem ao azeite, parte fundamental da cozinha local. Vale uma visita ao Lagar do Marmelo, em Ferreira do Alentejo, que já atingiu os 10 milhões de oliveiras e exibe um edifício de arquitetura moderna e tecnologia de ponta.

Para uma completa programação de inverno no Alentejo, é claro que não pode faltar uma verdadeira experiência de enoturismo. Uma taça de um bom tinto encorpado produzido na região é irresistível, principalmente nas baixas temperaturas. A grande variedade de vinícolas oferece a chance de degustar excelentes opções da bebida, além de visitas às caves e adegas.

Hotéis charmosos
A oferta hoteleira do Alentejo é excelente e garante muito conforto e comodidade aos seus turistas. Muitas delas são verdadeiros hotéis de luxo em meio às paisagens bucólicas do campo, e oferecem a possibilidade de tomar um bom vinho diante da lareira, desfrutar de tratamentos em spas, relaxar em piscinas aquecidas ou jacuzzis, entre outros. Desse modo, a experiência do inverno no Alentejo fica ainda melhor.

Comente sobre esta matéria ;)