Mastercard fará doação a cada pagamento por aproximação

Cidade Tecnologia

Mastercard fará doação a cada pagamento por aproximação para amparar os afetados pela Covid-19

Nova etapa do movimento “Faça parte: comece o que não tem preço” destinará 2 centavos a cada transação por aproximação para a campanha Natal Sem Fome, da Ação da Cidadania, e para a Cufa (Central Única das Favelas)

A Mastercard anunciou hoje novidades no movimento “Faça Parte: comece o que não tem preço”. A partir deste mês de outubro, para cada transação por aproximação realizada com cartões Mastercard no Brasil, a empresa doará 2 centavos para amparar os afetados pela pandemia da Covid-19. O valor arrecadado será direcionado para a campanha Natal Sem Fome, mobilização da ONG Ação da Cidadania, e para o Mães da Favela, projeto da CUFA, Central Única das Favelas.

Em junho deste ano, a Mastercard havia firmado o compromisso de doar o equivalente a 2 milhões de refeições para comunidades carentes ao longo de 2020, meta superada menos de dois meses após o lançamento do movimento, com mais de 3,5 milhões de refeições arrecadadas. Em agosto, a empresa ampliou a meta inicial e se propôs a doar 5 milhões de refeições via organizações não governamentais até o final do ano.

Segundo Sarah Buchwitz, VP de Marketing e Comunicação da Mastercard Brasil, o último relatório elaborado pela ONU informou que a pandemia da Covid-19 poderá levar mais de 130 milhões de pessoas no mundo a passarem fome crônica até o final de 2020. “Essa nova etapa do movimento da Mastercard permite que o consumidor faça parte ainda mais da nossa doação para amparar os afetados pela pandemia no Brasil”, explica Sarah.

Rápido, prático e seguro, o pagamento por aproximação oferece a conveniência de fazer transações apenas aproximando os dispositivos em um leitor habilitado, sendo até 10 vezes mais rápido do que outros tipos de pagamento. “O consumidor utilizará uma forma de pagamento que permite que ele tenha menos contato com superfícies na hora do pagamento”, completa.

A campanha desenvolvida pela WMcCann contará com plano de mídia digital, presença nas principais plataformas sociais, time de influenciadores e mídia offline, como DOOH, OOH e TV. Além disso, uma ação no aplicativo Waze estimula as pessoas que estiverem nos arredores dos pontos de vendas parceiros a pagarem por aproximação.

Ação Cidadania

Em parceria com a ONG Ação da Cidadania, o equivalente a mais de 1,7 milhão de refeições foram doadas até o momento. Essas doações incluem o que foi arrecado em ações com parceiros e durante as três lives musicais patrocinadas e organizadas pela Mastercard. Na primeira delas, realizada em 20 de junho, a empresa promoveu um encontro entre os cantores Gilberto Gil e Iza. A segunda live, que foi ao ar em 31 de julho, uniu Milton Nascimento, Liniker e Xenia França. Por fim, a terceira live contou com Elza Soares, Seu Jorge e Agnes Nunes, e ocorreu no dia 12 de setembro.

“Parcerias como essa com a Mastercard, são fundamentais para a atuação da Ação da Cidadania. Nos últimos anos, o Brasil, infelizmente, se viu caminhando a passos largos de volta ao Mapa da Fome da Organização das Nações Unidas. Com a chegada da pandemia de Covid-19, nossa estimativa é de que ao menos metade da população brasileira entre em algum estado de insegurança alimentar em 2021, intensificando nossa luta de combate à fome no país.”, declara Rodrigo “Kiko” Afonso, diretor executivo da Ação da Cidadania.

CUFA

Para essa nova etapa de doações, a Mastercard incluiu como destinatária a Central Única das Favelas (CUFA). A CUFA é uma organização brasileira com mais de 20 anos de atuação social em territórios de favela e periferia, por meio de projetos culturais, artísticos, esportivos, educacionais e de responsabilidade social.

A instituição está presente em quase 5 mil favelas dos 26 estados brasileiros e do Distrito Federal e é premiada nacional e reconhecida internacionalmente por suas ações e projetos. Entre os prêmios, consta um concedido pela Organização das Nações Unidas (ONU). Trabalha como vetor de promoção de integração e inclusão social, de potencialização das populações das favelas, bem como de sua integridade simbólica e física. Com ações chanceladas pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) e em parceria com instituições e organizações sociais, lidera campanhas de conscientização in loco, por meio da promoção de ações em todos os estados, juntamente com as redes de comunicação e cooperação entre as favelas

“O nosso papel é sermos interlocutores com a gestão pública e a iniciativa privada para enfatizar que os territórios nos quais atuamos são potentes e merecem atenção”, completa Celso Athayde, fundador da CUFA.

Outras doações já realizadas

Dentro do movimento “Faça parte: comece o que não tem preço”, a Mastercard também já doou 1,8 milhão de refeições para a Visão Mundial Brasil.

Tagged

Queremos saber sua opinião sobre esta matéria